• Ronaldo Gorga

COMO ALIVIAR A TPM NATURALMENTE



Antigamente era mais comum a utilização de plantas medicinais como medicamento. Ao contrário das drogas, que normalmente funcionam através de um mecanismo, como o direcionamento de bactérias, as ervas trabalham sinergicamente para lidar com os desequilíbrios subjacentes em seu corpo que podem levar à doença.

O uso de plantas como remédio é uma das únicas formas de cura que é adotada por todas as culturas e etnias, e que perdura desde os tempos antigos e ainda é usada atualmente na maioria das regiões do mundo. É o sistema mais antigo de cura do planeta.

E neste artigo vamos abordar plantas medicinais que ajudam a aliviar a Tensão pré-menstrual (TPM). A TPM é um grupo de sintomas que podem ocorrer de uma a duas semanas antes da menstruação de uma mulher. Os sintomas variam muito, tanto em gravidade como em tipo. Mas eles podem incluir:

  • Acne;

  • Seios inchados ou sensíveis;

  • Cansaço;

  • Dificuldade para dormir;

  • Estomago inchado;

  • Dor de cabeça ou nas costas;

  • Alterações de apetite;

  • Dores articulares ou musculares;

  • Tensão, irritabilidade e alterações de humor;

  • Ansiedade;

  • Constipação.

Acredita-se que as flutuações hormonais que ocorrem durante o ciclo menstrual sejam a causa primaria da TPM, embora as mudanças químicas em seu cérebro também possam desempenhar um papel. Níveis baixos de certas vitaminas e minerais estão associados a TPM, enquanto o estresse e a depressão podem piorar os sintomas.

A TPM pode afetar mulheres de qualquer idade, embora seja mais comum entre mulheres entre 20 e 40 anos.

Também é mais provável em mulheres que tiveram pelo menos um filho, histórico familiar de depressão ou depressão pós-parto ou outro transtorno de humor. Além disso, é incrivelmente comum, afetando pelo menos 85% das mulheres menstruadas

Muitas mulheres recorrem a analgésicos para aliviar os sintomas, algumas chegam a usar pílulas anticoncepcionais para impedir a ovulação, o que pode levar a riscos colaterais.

Porém para a felicidade das mulheres, existem plantas que podem ser muito eficazes para aliviar cólicas e outros sintomas da TPM, as principais opções incluem:

  • Camomila: O chá de camomila eleva os níveis de glicina que ajuda acalmar os espasmos musculares, a glicina também relaxa os nervos, o que explica por que a camomila é boa para aliviar estresse, ansiedade e cólicas menstruais;

  • Agripalma: É útil para estimular o tônus uterino, e ajuda a reduzir as cólicas e espasmos e sintomas cardíacos devido a ansiedade.

  • Semente de erva doce: foi comprovado que o extrato das sementes de erva doce reduz a gravidade da TPM, aliviando a depressão e melhorou o humor;

  • Açafrão: mulheres que receberam 30 mg de extrato de açafrão por dia, por dois ciclos menstruais relataram uma redução de 50% na gravidade dos sintomas da TPM;

  • Progesterona Natural: A progesterona é um hormônio que ocorre naturalmente no corpo humano, essencial para uma variedade de funções vitais. Nas mulheres, a progesterona equilibra os hormônios estrogênicos e é produzida principalmente pelos ovários quando ocorre a ovulação. pode ajudar a equilibrar os hormônios estrogênicos para o alívio dos sintomas da TPM, bem como um ciclo menstrual normalizado.

  • Cogumelo reishi ajuda a regular o sistema imunológico e também afasta a fadiga e fraqueza relacionadas a TPM, além de ter propriedades relaxantes;

  • Valeriana: Ela é conhecida por seus efeitos negativos e ajuda com alterações de humor, insônia e irritabilidade relacionadas a TPM além de aliviar colocas uterinas.

Essas são algumas plantas medicinais que aliviam sintomas da TPM, porém se eles estiverem interferindo na sua qualidade de vida, você pode experimentar outras estratégias seguras a serem testadas:

  • Óleo de Prímula: Este contém o ácido gama-linolênico, ácido graxo essencial, que é útil para o tratamento da dor. Também é útil restaurar a fisiologia hormonal anormal, que pode contribuir para os sintomas

  • Acupuntura: Uma revisão de 27 estudos descobriu que a acupuntura pode aliviar melhor as cólicas menstruais do que drogas ou fitoterápicos, estimulando a produção de endorfinas e serotonina em seu sistema nervoso central.

  • Mudanças na dieta: evite cafeína, álcool, açúcar e certifique-se que está recebendo nutrientes suficientes, especificamente vitamina A e E, cálcio, magnésio, ômega-3.

  • Exercício: Esta é outra ferramenta útil que ajuda a aliviar cólicas menstruais, talvez porque aumenta os níveis de endorfinas, que são substâncias químicas no cérebro associadas ao alívio da dor.

  • Calor: O uso de uma bolsa de água quente no abdome inferior ou a imersão em um banho morno podem proporcionar alívio temporário da dor menstrual.

  • Aromaterapia: A aromaterapia com lavanda tem mostrado aliviar os sintomas emocionais pré-menstruais, o que é atribuível, pelo menos em parte, à melhora da atividade do sistema nervoso parassimpático.

#saúde

Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados