• Ronaldo Gorga

FONTES NATURAIS DE ÔMEGA-3



Nem todos os tipos de gordura são ruins para a saúde, existem algumas que são essenciais para manter nosso corpo funcionando adequadamente e com saúde. As gorduras boas são usadas para manter a pele e cabelo saudáveis, ajudar na absorção de certas vitaminas.


Fora isso a gordura é necessária para o desenvolvimento do cérebro, além de controlar a inflamação e coagulação do sangue. Mas lembre-se, que quando falamos em gorduras, existem as boas e ruins, o tipo mais perigoso de gordura é a trans, encontradas em alimentos fritos e industrializados.


Durante o processamento desses alimentos os óleos saudáveis podem ser transformados em sólido através da hidrogenação para prolongar sua vida útil. Durante esse processo, gorduras trans são formadas.


É importante deixar claro que consumir gorduras trans não trazem nenhum benefícios para a saúde. Já a gordura poliinsaturada são essenciais, o que significa que devemos ingerir por meio da dieta já que nosso corpo não produz. Os dois principais são os ácidos graxos ômega-3 e ômega-6.


Embora ambos sejam essenciais a maioria das pessoas os come na proporção errada. O consumo exagerado de ômega-6 leva ao aumento da inflamação crônica, o que pode causar diversos problemas de saúde. O ideal seria consumir uma proporção de ômega-3 para ômega 6 de 1:1, porém na dieta que levamos hoje em dia, essa proporção está mais próxima de 1:16.


Alguns alimentos ricos em ômega-6 para diminuir o consumo são:


  • Alimentos processados;

  • Óleo de girassol;

  • Óleo de milho;

  • Óleo de cártamo.


Índices baixos de ômega-3 tem ligação com risco de doenças cardíacas e maior estresse oxidativo. A redução da inflamação e melhora da saúde cardiovascular causada pela suplementação de ômega-3 pode influenciar outros benefícios à saúde, como:


  • Menos sintomas de asma;

  • Risco reduzido de Parkinson;

  • Risco reduzido de esclerose múltipla;

  • Risco reduzido de depressão.


Mas onde encontrar o ômega-3? Essa gordura pode ser encontrada em fontes vegetais e animais, porém são as fontes animais que apresentam maiores de EPA e DHA. Algumas fontes animais são:


  • Salmão;

  • Arenque;


Já as fontes vegetais são:



Porém hoje pode ser difícil de manter níveis de ômega-3 apenas por alimentação, então considere uma suplementação com óleo de peixe ou óleo de krill.




Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados