• Ronaldo Gorga

PERCA GORDURA ABDOMINAL COM ESSA DICA



Mesmo uma redução modesta no consumo de alimentos ricos em carboidratos pode promover uma perda da gordura visceral, diminuindo o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e doenças cardíacas.

Quando o assunto é alimentos que devemos parar de comer para diminuir o peso, isso causa muita confusão, pois as informações sobre alimentos não chegam adequadamente para nós. Na última década, temos sido ensinados que para perder peso devemos cortar todas as gorduras e também a proteína (que é abundante em alimentos gordurosos), porém ao fazer este corte, substituem por carboidratos (e não os vegetais).

Um estudo feito na Universidade do Alabama, com 69 pessoas obesas revelou que quando recebiam uma dieta com uma redução de carboidratos por 2 meses, acarretou que elas tiveram 11% a menos de gordura visceral. A dieta com carboidratos reduzidos, promoveu a perda da gordura visceral mesmo quando não houve mudança de peso aparente.

Acredita-se que este tipo de gordura esteja relacionada com a liberação de proteínas e hormônios que podem causar inflamações, danificando artérias e penetrando no fígado, afetando como o organismo quebra os açucares e gorduras.

Mesmo que muitas vezes as pessoas chamem de gordura da barriga, mesmo se você for magro, a gordura visceral pode estar presente. Portanto cortar carboidratos pode ser uma boa ideia mesmo quando você não está tentando perder peso.

Pessoas que tem dietas com baixas quantidades de carboidratos, consequentemente recebem menos frutose, um tipo de açúcar que pode ser transformado em gordura corporal rapidamente. O consumo em excesso de frutose acarreta no ganho de peso, frutose pode ser encontrada em frutas, mas muitos alimentos processados também têm essa substancia.

Mantenha seu consumo de frutose abaixo de 25 gramas por dia se saudável, se estiver querendo perder peso, diminua mais.

Aqui vão algumas frutas que são ricas em frutose, para você não comer em excesso:

  • Kiwi, 3,4 gramas de frutose por porção;

  • Amoras, 3,5 gramas de frutose por porção;

  • Carambola, 3,6 gramas de frutose por porção;

  • Morango, 3,8 gramas de frutose por porção;

  • Abacaxi, 4 gramas de frutose por porção;

  • Pêssego, 5,9 gramas de frutose por porção;

  • Laranja, 6,1 gramas de frutose por porção;

  • Mamão, 6,3 gramas de frutose por porção;

  • Banana, 7,1 gramas de frutose por porção;

  • Melancia, 11,3 gramas de frutose por 1/16 dela;

  • Uvas sem sementes, 12,4 gramas de frutose por 1 xicara.

Portanto fique de olho nos rótulos dos alimentos a fim de reduzir carboidratos e frutose, até mesmo cereais, se estiver querendo perder peso. Se eles contiverem açúcar, isso irá aumentar os níveis de insulina, (até os cereais sem açúcar se transformam em açúcar em nosso


Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados