• Ronaldo Gorga

Por que você se sente tão cansado o tempo todo?


Se você já se perguntou: "Por que me sinto tão esgotado o tempo todo?", há muitas razões possíveis para você se sentir assim. A fadiga pode afetar sua vida a ponto de afetar seu trabalho, relacionamentos e muito mais. Continue lendo para saber mais sobre as possíveis causas e como elas podem ser tratadas.


Por que me sinto tão exausta?

Existem muitas razões possíveis pelas quais você se sente cansado o tempo todo. Algumas causas são muito simples e fáceis de abordar, enquanto outras podem estar enraizadas em condições crônicas que exigem uma abordagem mais aprofundada. Aqui estão alguns dos motivos mais comuns:

•Falta de sono – Uma das razões mais comuns pelas quais as pessoas se sentem cansadas é a falta crônica de sono. Uma boa noite de sono pode lhe dar a energia necessária para realizar suas atividades diárias, mas de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), 1 em cada 3 adultos não descansa o suficiente.

•Alimentação não saudável – Quando você come alimentos saudáveis, seu corpo é mais capaz de ter o melhor desempenho. Por outro lado, alimentos não saudáveis ​​podem contribuir para a perda de energia e a sensação de esgotamento.

Por exemplo, junk food com adição de açúcares e carboidratos, bem como outros alimentos ricos em açúcar, podem causar picos nos níveis de açúcar no sangue, o que pode levar a níveis baixos de açúcar no sangue que causam fadiga.

•Estilo de vida sedentário – Não se mexer pode fazer você se sentir mais cansado. De acordo com um estudo, você pode realmente aumentar seus níveis de energia mesmo fazendo apenas 21 a 40 minutos de exercícios de intensidade moderada.

Além dos fatores mencionados acima, a fadiga pode resultar de inúmeras condições médicas subjacentes. A lista a seguir fornece informações sobre os aspectos responsáveis ​​mais comuns:

  1. Insuficiência hepática aguda — Pesquisas indicam que a exaustão é causada por alterações na neurotransmissão dentro do cérebro. Sugere-se que o bem-estar psicológico dos pacientes pode se manifestar em sentimentos de fadiga após receber a confirmação do diagnóstico de cirrose ou insuficiência hepática.

  2. Anemia – Você pode desenvolver cansaço porque seu corpo não tem oxigênio, quando não produz glóbulos vermelhos suficientes para transportar oxigênio por todo o corpo com eficiência.

  3. Lesão cerebral traumática – A fadiga é uma complicação comum após sofrer uma lesão cerebral. A fadiga mental pode ocorrer porque o cérebro está tentando processar muitas informações, mas não consegue fazê-lo com eficiência.

  4. Câncer — Os tumores podem produzir citocinas que causam fadiga. Outros tipos de câncer podem diminuir a produção de glóbulos vermelhos, o que pode causar anemia.

  5. Síndrome de Fadiga Crônica – A fadiga causada por esta condição pode ser devido a problemas no sistema imunológico, desequilíbrios hormonais ou infecções virais.

  6. Doença renal crônica – A fadiga pode se manifestar como um sintoma de doença renal crônica devido à anemia e inflamação.

  7. Concussão — Sofrer uma concussão pode causar fadiga mental. Você pode sentir que suas reações são mais lentas ou que as tarefas rotineiras de repente se tornam complicadas.

  8. Doença pulmonar obstrutiva crônica – Os pacientes com DPOC desenvolvem fadiga devido a um desequilíbrio na função pulmonar, o que pode afetar sua qualidade de vida.

  9. Depressão – Sentimentos negativos, como tristeza, desesperança e desamparo, podem levar a problemas para dormir, o que pode levar à exaustão.

  10. Diabetes – Esta doença metabólica pode causar desidratação ou doença renal, que pode eventualmente causar fadiga.

  11. Enfisema – A falta de ar é um dos sintomas mais comuns dessa condição, que pode fazer com que você se sinta cansado por falta de energia.

  12. Fibromialgia – Quando você tem esta doença, a dor muscular pode levar à fadiga posterior.

  13. Luto – De acordo com um relatório do The Atlantic , passar por uma perda pode enfraquecer seu sistema imunológico devido ao estresse que você pode experimentar com a perda de um ente querido e fazer você se sentir excessivamente cansado.

  14. Doença cardíaca – Defeitos no funcionamento do coração, como uma infecção cardíaca, podem causar fraqueza ou fadiga.

  15. Hipertireoidismo – Uma tireoide hiperativa pode causar fraqueza muscular, o que leva diretamente à fadiga.

  16. Hipotireoidismo – Uma tireoide hipoativa pode afetar seus processos biológicos de várias maneiras, como fazer você se sentir cansado o tempo todo.

  17. Doença Inflamatória Intestinal (DII) — A doença de Crohn e a colite ulcerativa, as duas doenças que compõem a DII, podem causar fadiga devido à dor sentida pelo paciente. Em outros casos, é um efeito colateral de inflamação ou deficiência nutricional.

  18. Medicamentos – Muitos medicamentos podem causar fadiga como efeito colateral. Exemplos comuns incluem anti-histamínicos, antidepressivos, ansiolíticos, betabloqueadores e opióides.

  19. Esclerose Múltipla (EM) – 80% das pessoas com EM desenvolvem fadiga como complicação, e pode chegar a um ponto em que afeta sua qualidade de vida e capacidade de trabalhar.

  20. Obesidade — Estar acima do peso pode dificultar a realização de atividades normais, o que pode deixá-lo cansado mais rapidamente. Também pode causar dores articulares e musculares.

  21. Estresse – O estresse emocional pode afetar seu bem-estar físico, o que pode causar fadiga.

Por que me sinto cansado depois de comer?

Sentir sono depois de comer é comum para muitas pessoas ao redor do mundo. Em outros países, como a Espanha, as práticas culturais giraram em torno desse fenômeno.

Os espanhóis geralmente dormem por alguns minutos à tarde ou ao meio-dia, o que é conhecido como "la siesta", e geralmente é feito após um grande almoço. Cochilar depois de uma grande refeição pode ser bom, mas por que isso acontece?

De acordo com um relatório do Huffington Post, a principal razão pela qual as pessoas se sentem cansadas depois de comer é porque o corpo usa quantidades moderadas de energia para digerir os alimentos. Uma vez que a comida entra em seu estômago, seu corpo passa por vários processos que podem deixá-lo sonolento.

Outra razão pela qual você se sente cansado depois de comer é o consumo de carboidratos. Uma vez digeridos, os carboidratos são convertidos em glicose que entra na corrente sanguínea. Isso causa picos na produção de insulina, que fazem com que o triptofano se mova para o cérebro.

A partir daí, o triptofano faz com que seu cérebro produza mais serotonina e melatonina, que são os hormônios responsáveis ​​pela calma e pelo sono.

Por que estou sempre cansado e com frio?

Em alguns casos, você pode sentir frio ou sentir calafrios junto com a exaustão. Uma possível causa disso é o hipotireoidismo, uma condição na qual a glândula tireoide não produz hormônios suficientes.

Como resultado, você pode se sentir cansado e com frio o tempo todo e pode notar um ganho de peso gradual. Um exame de sangue pode ajudá-lo a determinar se você tem ou não essa condição. Existem outras doenças que podem causar calafrios e fadiga ao mesmo tempo, como:

  • Anemia — Uma condição na qual o corpo não tem glóbulos vermelhos suficientes para transportar oxigênio por todo o corpo, desencadeando outros sintomas como tontura, batimentos cardíacos irregulares, pele pálida e falta de ar

  • Tuberculose – Uma doença bacteriana que infecta os pulmões e causa sintomas como dor no peito, suores noturnos, tosse com sangue e febre

  • Gripe — contrair o vírus da gripe pode causar fadiga e calafrios, bem como dores de cabeça e dores musculares

  • Síndrome do choque tóxico – Uma doença com risco de vida que ocorre quando as bactérias entram na corrente sanguínea e liberam toxinas. Além de fadiga e calafrios, essa condição também pode causar sonolência, diarreia, problemas respiratórios e febre alta.

Por que acordo cansado?

Ter uma noite inteira de sono é uma das melhores maneiras de se sentir energizado para o dia seguinte. Mas às vezes, mesmo que durma o suficiente, você ainda pode acordar sentindo-se cansado. Essa experiência frustrante pode deixá-lo de mau humor e é um fenômeno que tem várias causas possíveis:

  • Síndrome das Pernas Inquietas (SPI) – Também conhecida como doença de Willis-Ekbom, causa sensações desconfortáveis ​​nas pernas com um desejo irresistível de movê-las. Muitas vezes ocorre tarde da noite, o que pode atrapalhar seu sono.

  • Ritmo circadiano irregular — Seu ritmo circadiano é o grande responsável por indicar quando você deve estar dormindo ou acordado, e pode ser causado por vários estímulos físicos e ambientais. Ter um padrão de sono irregular pode resultar em muito pouco ou muito sono.

  • Diabetes — Pessoas com diabetes tendem a se levantar várias vezes à noite para urinar, o que as impede de ter uma boa noite de sono.

Por que sempre me sinto cansado e com sono?

Se você dorme a noite toda, mas ainda se sente cansado o tempo todo, pode ter uma condição conhecida como síndrome da fadiga crônica (SFC ou encefalomielite miálgica), uma doença crônica que afeta muitos processos biológicos, impedindo que você tenha o melhor desempenho possível. Alguns de seus sintomas mais comuns incluem:

  • Fadiga severa que não melhora com o repouso.

  • problemas para dormir

  • Mal-estar pós-esforço, uma condição na qual os sintomas pioram após atividade física ou mental

  • problemas cognitivos

  • Dor muscular

  • Tontura

  • sono não reparador

  • Dor de garganta

  • Doença

  • Problemas recorrentes de sinusite

Os especialistas não têm certeza da causa exata da SFC, e fazer um diagnóstico preciso às vezes pode ser problemático porque os sintomas geralmente refletem outras doenças.

No entanto, um artigo publicado pela Harvard Health Publishing menciona que as pessoas com SFC geralmente apresentam anormalidades no cérebro, principalmente no hipotálamo e na glândula pituitária. Outras doenças que podem ser confundidas com a SFC incluem:

  • hipotireoidismo

  • Efeitos colaterais da medicação

  • Câncer

  • Apneia do sono

  • distúrbios cardíacos

  • Insuficiência suprarrenal

  • Transtornos mentais, como esquizofrenia, depressão ou transtorno bipolar

  • Distúrbios alimentares

Por que me sinto tão cansado pela manhã?

Às vezes você não pode deixar de se sentir cansado quando acorda. De acordo com Gary L. Wenk, Ph.D., professor da Ohio State University, existem vários fatores que influenciam a exaustão matinal:

  • Aspecto neurobiológico — Ao sonhar, durante o sono de movimento rápido dos olhos (REM), o cérebro consome grandes quantidades de trifosfato de adenosina (ATP). À medida que o ATP se acumula em seu cérebro, o grau de sonolência aumenta.

  • Horário do sono – Ficar acordado até tarde da noite e acordar tarde pode afetar a qualidade do sono e influenciar a disfunção diurna. Nos jovens, o sono noturno está associado ao menor tamanho do hipocampo, um efeito conhecido por afetar o aprendizado e a função da memória.

  • Seu parceiro — Evidências sugerem que seu parceiro de sono pode influenciar a qualidade do seu sono. Segundo Wenk, as mulheres que dividem a cama com um homem têm maior probabilidade de ter uma qualidade de sono negativa, mesmo que o ato de dormir seja precedido de relação sexual. Por sua vez, os homens não experimentam perda de eficiência do sono.

Soluções práticas para ajudar a evitar sentir-se cansado o tempo todo

Como você já sabe, existem muitas razões pelas quais você se sente cansado o tempo todo e, como tal, existem várias abordagens para ajudar a mitigar esse problema.

Dicas fáceis para uma melhor noite de sono

É fácil ceder à tentação e recorrer a pílulas para dormir para obter um descanso eficaz, mas não há realmente necessidade disso. Você só precisa se concentrar em otimizar sua produção de melatonina. A melatonina é um hormônio secretado pela glândula pineal e é responsável por informar ao seu corpo se é noite ou dia.

As estratégias a seguir podem ajudá-lo a melhorar seu sono sem gastar um centavo em nada:

  • Evite usar aparelhos elétricos dentro de uma hora antes de dormir — aparelhos como TVs e telefones celulares emitem luz azul, o que engana seu cérebro fazendo-o pensar que ainda é dia. Crie o hábito de parar de usar esses dispositivos às 21h, pois é nessa hora que seu cérebro começa a secretar melatonina.

  • Obtenha exposição regular ao sol – Sua glândula pineal também desempenha um papel no seu ciclo de sono. Ao obter exposição regular à luz solar, a glândula pineal produz melatonina em proporção ao contraste da exposição ao sol brilhante durante o dia e escuridão total à noite. Outro benefício da exposição à luz solar é a produção de vitamina D, que apóia sua saúde.

  • Durma na escuridão total — Mesmo o menor raio de luz de qualquer fonte pode atrapalhar o relógio do seu corpo enquanto você dorme. É importante que você mova todas as fontes de luz a pelo menos 3 pés de distância de sua cama. Isso inclui telefones celulares e alarmes.

  • Se necessário, instale uma luz de baixa potência à noite – Usar uma lâmpada amarela, laranja ou vermelha de baixa potência para caminhar no escuro não prejudicará a produção de melatonina.

  • Mantenha uma temperatura ideal em seu quarto — Estudos mostram que a temperatura ideal para dormir é entre 15 e 20°C.

  • Não dependa de despertadores barulhentos – ser acordado agressivamente por sons altos pode estressá-lo cedo. Se você está dormindo bem, talvez nem precise de um despertador porque seu corpo tem uma rotina natural.

  • Tome um banho quente 90 a 120 minutos antes de dormir – Isso aumenta a temperatura do corpo. Quando você sai do banheiro, a queda na temperatura sinaliza ao seu corpo que você está pronto para dormir.

  • Exponha-se à luz do sol pela manhã — Expor-se à luz do sol assim que acordar envia uma forte mensagem ao seu relógio interno de que o dia começou. Isso torna menos provável que seu corpo fique confuso com sinais de luz mais fracos à medida que a noite cai.

  • Elimine as fontes de campos eletromagnéticos (EMFs) em seu quarto – os EMFs podem impedir a produção de melatonina e causar uma série de outros problemas de saúde a longo prazo. Idealmente, antes de dormir, desligue os dispositivos emissores de EMF em seu quarto, como o roteador sem fio.



Fontes e Referências