Você conhece o super antioxidante que vem do oceano? A astaxantina


Os antioxidantes desempenham um papel importante na promoção da saúde, protegendo seu corpo dos radicais livres, que são moléculas que interferem no funcionamento de seus órgãos, resultando em danos. Nesse sentido, muitas pessoas fazem o possível para aumentar a ingestão de antioxidantes conhecidos, como vitamina C e E, bem como de flavonóides de plantas. Mas às vezes, isso simplesmente não é suficiente.

E se houver um certo antioxidante que supera todo o resto? A resposta que você está procurando não está em um vegetal ou fruta, mas nas profundezas do oceano: a astaxantina.

A astaxantina, comumente chamada de "Rei dos Carotenóides", é uma substância natural encontrada em um tipo específico de microalga, bem como em certos frutos do mar. Além disso, sua cor vermelha é responsável por tornar rosadas as polpas de salmão, caranguejo , lagosta e camarão. A pesquisa sobre esse antioxidante é promissora, pois mostrou que a astaxantina possui diversos benefícios à saúde.

A melhor astaxantina vem de microalgas

Você pode ter visto alguns suplementos de astaxantina vendidos em sua loja local de saúde. Fique atento ao ler os rótulos dos produtos porque alguns deles são feitos com ingredientes sintéticos. Claro, você quer evitar esses produtos porque eles são feitos com petroquímicos obtidos do petróleo e do gás natural.

Se você quer a astaxantina de verdade, deve vir direto da fonte, que é a microalga Haematococcus pluvialis. Este tipo de alga produz o antioxidante uma vez que seu suprimento de água seca, e entra em modo de sobrevivência para se proteger da luz solar, da radiação ultravioleta e da baixa nutrição. A astaxantina é o resultado desse processo. Além disso, existem vários alimentos que contêm quantidades generosas de astaxantina, principalmente frutos do mar que consomem as microalgas, tais como:

  • Salmão selvagem do Alaska

  • Truta

  • Krill (ou óleo de krill)

  • Camarão

  • Lagostim

A astaxantina também está disponível em várias dosagens. Se você optar pela rota dos suplementos, recomendo fortemente que compre os da microalga Haematococcus pluvialis, e não os da petroquímica. Isso garante que você esteja obtendo os benefícios legítimos pelos quais o antioxidante é conhecido, além de proteger sua saúde.

Estudos sobre os benefícios da astaxantina

A astaxantina é possivelmente um dos antioxidantes mais valiosos de que você pode tirar proveito. As pesquisas sobre essa substância estão crescendo continuamente e os resultados são muito promissores, como:

•Melhoria do perfil antioxidante - recurso Um destaque de astaxantina é que é 550 vezes mais forte do que a vitamina E e 6.000 vezes mais potente que a vitamina C. Além disso, é 10 vezes mais eficaz que a zeaxantina, luteína, cantaxantina e beta-caroteno.

A pesquisa mostrou que este antioxidante pode beneficiar sua saúde de maneiras importantes. Em um exemplo, a astaxantina exibiu propriedades protetoras digestivas em ratos afetados com úlceras gástricas.

•Proteção Auditiva - A astaxantina pode beneficiar sua audição, aumentando os níveis de neurotrofina-3 (NT3), uma proteína que desempenha um papel na comunicação entre seus ouvidos e seu cérebro. Um estudo foi capaz de apoiar essa hipótese quando os pesquisadores descobriram que a astaxantina ajudou a reverter a perda auditiva em ratos.

•Controle do Diabetes - Os pesquisadores sugerem que a astaxantina pode beneficiar os diabéticos ao reduzir o estresse oxidativo em suas células pancreáticas causado por altos níveis de açúcar no sangue, bem como melhorar os níveis de glicose e insulina sérica.

•Risco reduzido de doenças cardiovasculares - Tomar astaxantina regularmente pode reduzir o risco de inflamação no sistema cardiovascular.

Em um estudo, os participantes que tomaram 12 miligramas de astaxantina por dia foram capazes de diminuir a presença da proteína C reativa em seu corpo, que é um indicador de inflamação. Em outro estudo, ratos Sprague Dawley afetados com miocardite tiveram um tamanho de infarto reduzido após a administração de astaxantina.

•Propriedades anticâncer - a astaxantina demonstrou ter potencial no combate ao câncer. Os especialistas acreditam que o antioxidante atua diminuindo a mutagênese e a carcinogênese, inibindo o dano oxidativo às células.

Além disso, restaura a comunicação célula a célula para ajudar a diminuir a proliferação do tumor. Em um exemplo, a astaxantina exibiu efeitos inibidores do crescimento em células de câncer de cólon humano.

•Reforço do sistema imunológico - Seu sistema imunológico é constantemente atacado por radicais livres, e a astaxantina pode ajudar a reverter a situação.

Relatórios sugerem fortemente que a astaxantina mostrou maiores efeitos imunomoduladores em comparação ao beta-caroteno, bem como aumento da produção de anticorpos e diminuição da resposta imune humoral.

•Melhor saúde ocular - alguns estudos sugerem que a astaxantina pode ajudar a proteger seu olho de várias doenças, como:

◦Catarata

◦Degeneração macular relacionada à idade

◦Glaucoma

◦Doenças inflamatórias oculares

◦Retinopatía diabética

•Efeitos neuroprotetores - Vários estudos sugerem que a astaxantina pode ser uma ferramenta poderosa na manutenção da saúde do cérebro, graças às suas propriedades antiinflamatórias e antioxidantes. Em um exemplo, 10 participantes idosos que tomaram 12 miligramas de astaxantina diariamente durante 12 semanas apresentaram melhora da função cognitiva e psicomotora.

Os efeitos colaterais da astaxantina são praticamente inexistentes

Uma das coisas mais interessantes sobre a astaxantina é que é completamente seguro para consumir, mesmo em doses altas de 500 miligramas por dia. O único efeito colateral documentado é uma leve vermelhidão da pele, que só pode ocorrer se você aumentar a dosagem. Em qualquer caso, ainda recomendo que você visite um médico para ajudar a amenizar quaisquer preocupações que você possa ter antes de tomar o suplemento.

Os suplementos de astaxantina podem beneficiar a maioria das pessoas, mas consumi-la naturalmente pode ser melhor

Com base em dados publicados, é claro que a astaxantina tem um forte potencial para ajudar a otimizar sua saúde de uma maneira conveniente quando tomada como suplemento. No entanto, pode ser mais benéfico consumir astaxantina usando uma abordagem natural através dos alimentos onde é comumente encontrada.

Por exemplo, o salmão selvagem do Alasca é um dos alimentos mais nutritivos que você pode adicionar à sua dieta. Além da astaxantina, é rica em ácidos graxos ômega-3 que podem fornecer uma grande variedade de benefícios ao seu bem-estar geral, como redução do risco de doença cardíaca coronariana e arritmia. Quase qualquer pessoa pode se beneficiar com os ácidos graxos ômega-3, pois é um nutriente essencial que deve ser obtido por meio da dieta. Seguir uma abordagem natural é essencialmente acertar dois coelhos com uma cajadada só.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados