ATAQUE CARDÍACO


Um ataque cardíaco pode acontecer de uma hora para outra. Os sintomas são bastantes comuns e muitas pessoas não o percebem até estar no meio de um. As vezes a pessoa só sente um sintoma, tornando o ataque cardíaco mais difícil de diagnosticar.

Mas o que acontece com seu corpo quando você tem um ataque cardíaco?

É vital que seu coração receba muito sangue oxigenado, porém há casos de perca de suprimento sanguíneo quando a placa se acumula nas artérias coronárias e bloqueia o fluxo sanguíneo para o coração. Estas placas são compostas de colesterol, substancias gordurosas, resíduos celulares, cálcio e fibrina.

Quando esta placa se acumula nas artérias coronárias, pode resultar em espasmo de artéria ou aterosclerose, que é o endurecimento dos músculos do coração e pode levar a um coágulo sanguíneo quando a placa se rompe. A aterosclerose pode levar a doença coronariana, que pode desencadear um ataque cardíaco. Ele também pode ocorrer quando o suprimento de sangue não pode atingir o coração devido a estreitamento das artérias, comumente conhecida como doença cardíaca isquêmica.

É importante saber a diferença entre um ataque cardíaco e uma parada cardíaca, já que muitas vezes as pessoas acham que são iguais. Parada cardíaca acontece devido ao mau funcionamento elétrico do coração, que causa um batimento cardíaco irregular e geralmente ocorre sem qualquer aviso. A parada cardíaca é causada por diferentes razões de saúde, como cardiomiopatia ou espessamento do músculo cardíaco, insuficiência cardíaca, arritmias, síndrome Q-T longa e fibrilação ventricular. Já um ataque cardíaco pode aumentar o risco de ter uma parada cardíaca e é o motivo comum para sua ocorrência.

Você já se perguntou o que acontece durante um ataque cardíaco?

Se seu coração estiver acumulando placas ao longo dos anos, ele poderá engrossar o suficiente para obstruir o fluxo sanguíneo, talvez você nem perceba que tem um fluxo sanguíneo estreito pois uma vez que a artéria se torna incapaz de levar sangue ao coração, outras artérias se expandem para cuidar do trabalho da artéria incapacitada, a placa na artéria coronária é rompida, as substâncias gordurosas ficam expostas. As plaquetas correm para a placa, formando um coágulo de sangue (a mesma coisa que acontece quando se tem um corte ou uma laceração). O coágulo sanguíneo formado torna-se a principal obstrução ao seu fluxo sanguíneo. Seu coração fica faminto de sangue rico em oxigênio, e seu sistema nervoso envia imediatamente sinais ao seu cérebro sobre o que está ac