Por que não pular o treino de perna?



Você tem costume de treinar perna ou é daquelas pessoas que arrumam desculpas para faltar na academia nesse dia? Esse treino costuma ser negligenciado em comparação a parte superior do corpo, mas a verdade é que devemos seguir um programa de exercícios que ofereça suporte a um corpo equilibrado.


Por mais que você ache chato ou não queira uma perna forte, os exercícios da parte inferior são um aspecto importante de uma rotina equilibrada de condicionamento físico que construí força, velocidade e estabilidade.


É importante que mantenhamos uma consistência com os exercícios de perna, pois músculos inferiores fortes ajudam a manter o corpo equilibrado, além de maximizar e aumentar o desempenho atlético, pois usamos a força das pernas para grande parte dos movimentos, até da parte superior do corpo.


Mas não para por aí, músculos inferiores fortes podem garantir diversos benefícios que nem imaginamos como:

  • Estimula hormônios do crescimento: Os maiores músculos de nosso corpo são na parte inferior, quando exercitamos, uma grande quantidade de hormônios como testosterona, cortisol e HGH (hormônio do crescimento humano). O cortisol ajuda seu corpo a responder ao estresse e aumentar o metabolismo da gordura. A testosterona ajuda seu corpo a reparar proteínas musculares danificadas e a construir músculos esqueléticos. HGH promove o crescimento muscular, aumenta a imunidade e aumenta o metabolismo da gordura.

  • Equilibra a força: Exercitar o corpo por completo ajuda alinhar e corrigir desequilíbrios musculares, garantindo uma maior mobilidade e flexibilidade, além de que esteticamente deixa nosso corpo mais simétrico.

  • Evita dores nas costas: Você pode pensar que isso está errado, pois as costas estão na parte superior do corpo, mas é verdade, músculos inferiores fortes ajudam a dar sustentação para músculos superiores, então um glúteo e quadríceps desenvolvidos podem ajudar na postura e evitar dores.

Quando negligenciamos os treinos de pernas por muito tempo, começamos a perceber um declínio no tônus muscular, tanto quanto no desempenho atlético. No entanto, se você simplesmente pular um dia de vez em quando devido a restrições de tempo ou desejo de variedade, ficará bem. Nos dias em que você não tem tempo para um treino completo, você pode fazer pelo menos 15 minutos de atividade física. Para obter os resultados desejados e atingir sua meta de condicionamento físico, você deve ser constante na sua abordagem de treinamento. Isso também ajudará a instilar hábitos positivos e saudáveis ​​que se tornam naturais com a repetição.


Lembre-se de que pode levar de algumas semanas a alguns meses para ver e sentir os resultados, não desanime continue com sua rotina de exercícios para melhores resultado sem pular o dia de perna à toa.


Se você estiver muito dolorido, tiver sofrido uma lesão, ou estar doente como congestão no peito, dor de estômago, febre entre outros sintomas tudo bem pular o treino de perna, pois quando forçamos demais nosso corpo isso diminui o tempo de cura.


Portanto treine suas pernas regularmente para melhores resultados, não há problema em pular um dia de vez em quando, especialmente se você estiver doente ou ferido. Se você se sentir estressado ou culpado por perder um dia, planeje como compensará o tempo perdido.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados