ENTENDA SUA INSÔNIA


Você pode ter uma dieta saudável, se exercitar regularmente e estar livre do estresse emocional, porém se você não estiver dormindo bem, por qualquer motivo, isso pode atrapalhar sua saúde.

Mas você sabe o que é o sono? Muita gente acha que sono é quando não estamos acordado, porém é muito mais q apenas isso. O sono é uma experiência, a medida que temos um sono mais profundo, há mudanças na atividade elétrica do cérebro, chegando em um estado de repouso profundo.

O sono é importante para diversas funções, desde melhor desempenho, melhor concentração, melhora da função imunológica e aumento da criatividade. Portanto dormir mal pode atrapalhar nossa saúde.

O distúrbio do sono mais comum é a insônia que é ter dificuldade de adormecer, permanecer dormindo ou incapacidade de ter um sono de qualidade durante a noite. Um dos sintomas mais comuns da insônia é quando tentamos dormir ou tentamos voltar a adormecer a cabeça começa a produzir milhões de pensamentos. Pensamentos indesejáveis, incontroláveis, como se não controlasse nossa mente.

Para entender porque você não consegue dormir, precisamos entender que o sono é o resultado de uma interação entre duas variáveis: sonolência e ruído.

  • Sonolência: Em condições normais a sonolência deve aumentar gradualmente ao longo do dia, com um pico antes de ir para a cama. Isso é o ideal, pois a sonolência deve ser alta no começo da noite.

  • Ruído: refere-se a qualquer tipo de estimulação que inibe ou interrompe o sono. Se o ruído for maior que o nível de sonolência, será difícil pegar no sono.

Esse ruído que estou falando ocorre em 3 níveis: mental, do corpo e ambiental. Ruídos mentais são como o mencionado acima, quando sua cabeça não consegue parar de pensar atrapalhando seu sono. Já ruído corporal pode ser, por exemplo, dores, desconforto, indigestão ou cafeína residual de tomar muito café. Ruído ambiental são barulhos, luzes ou temperatura do quarto.

Para ter uma boa noite de sono o nível de sonolência deve ser alto e o de ruído baixo.

Portanto quando você não esta conseguindo dormir, pergunte a se mesmo: Onde/ qual é o ruído que está atrapalhando o sono? É ambiental? mental? ou corporal?

Se for, por exemplo, excesso de luz, isso além de atrapalhar no sono, pode interferir na produção de melatonina no corpo, que é um hormônio e antioxidante contra o câncer. Cada vez mais estamos passando mais tempo expostos as luzes, a luz das tvs, celulares e computadores podem também interromper a produção de melatonina. Tenha em mente que apenas uma pequena luz, como acender a luz do banheiro de madrugada pode interromper essa produção. Então se você levantar no meio da noite, evite acender luzes.

Você pode achar que conseguir dormir deve dar trabalho e você querer tomar remédio para dormir, pare com isso agora mesmo. Elas não fazem bem, além de poder causar vicio, uma pesquisa descobriu que esses remédios criam uma amnésia quando você acorda no meio da noite, porém seu sono continua fragmentado e pobre,esses remédios podem atrapalhar a formação da memória, confie em mim, há maneiras melhores, mais seguras e eficazes para conseguir ter uma boa noite de sono.

É normal, todo mundo tem uma noite que dorme pouco e nosso corpo ode se adaptar a essas deficiências temporárias, porém ao desenvolver um padrão crônico de dormir menos de 5 ou 6 horas por noite, você estará aumentando seus riscos de:

  • Doença cardíaca;

  • Doenças autoimunes;

  • Artrite;

  • Doenças neurodegenerativas;

  • Câncer.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados