Como o Jejum Intermitente Pode Ajudar a Conquistar Uma Vida Mais Saudável e Mais Longa


O Corpo Foi Construído Para Enfrentar Ciclos Periódicos de ‘Fartura e Fome’

De fato, o jejum oferece muitos dos benefícios para a saúde mais procurados pela maioria das pessoas: melhor saúde cardiovascular, menor risco de câncer, recuperação de genes e longevidade.

Resumindo, ele descobriu que parte do que parece estar estimulando o processo das doenças é o fato de que nos alimentamos com muita frequência. Quando se está constantemente no “modo fartura”, o corpo perde muito de sua “programação de recuperação e rejuvenescimento” natural.

É verdade que a restrição rigorosa de calorias promove perda de peso e maior longevidade nos modelos animais, mas esse tipo de “dieta dá fome" não é uma estratégia muito atraente para a maioria das pessoas.

No entanto, pesquisas mostram que é possível alcançar os maiores ou todos os benefícios de um programa rigoroso de restrição calórica por meio do jejum intermitente, ou seja, um cronograma de alimentação que consiste em comer bem durante alguns dias e cortar rigorosamente as calorias em outros.

O jejum imita os hábitos alimentares de nossos ancestrais, que não tinham acesso aos mercados nem a uma alimentação constante. Eles passavam por períodos de fartura e fome e as pesquisas modernas mostram que esse ciclo produz uma variedade de benefícios bioquímicos.