• Ronaldo Gorga

SINAIS QUE NOSSO CORPO ESTÁ COM DEFICIÊNCIA DE VITAMINA



Muitas doenças têm seus sintomas facilmente reconhecidos, porém em alguns casos, esses sintomas não são evidentes até o final do processo da doença. Reconhecer os sintomas e associá-los a condições especificas é essencial para saber a hora de buscar um médico.

É importante a gente prestar atenção nas mudanças em nossa aparência física e como nos sentimos a cada dia, para assim conseguirmos manter a saúde e bem-estar.

A aparência da língua é um dos indicadores, mas antes de saber qual alteração pode se perceber pela língua, vamos entender como a nossa língua deve ser em situações saudáveis.

Nossa língua é um músculo forte coberto com um tecido chamado mucosa, ela é ancorada na boca e é vital para a fala, mastigação e engolir alimentos. Outra função dela é sentir os sabores dos alimentos.

Quando saudável a língua é coberta com tecido rosa úmido e pequenos inchaços chamados papila, que tem uma textura áspera e armazena nossas papilas gustativas, são células nervosas conectadas aos cérebro.

Portanto quando quiser verificar sua saúde, estique a língua para fora e preste atenção nela.

Quando temos a deficiência de alguma vitamina ou mineral, acontecem algumas alterações na língua, como por exemplo, se a língua estiver vermelha morango, lisa e inchada, isso pode indicar deficiência de ferro, folato ou vitamina b12. Isso acontece, pois, a vitamina b12 e o ferro são necessários para amadurecer as papilas da língua, portanto se a pessoa tem uma deficiência, as papilas são perdidas, deixando a língua lisa.

Além disso a deficiência de vitamina b12 causa alterações sensoriais na língua, como formigamento na língua, sensação de queimação e dormência. Além disso os sintomas de deficiências mais obvias incluem:

  • Vitamina B: Deficiências dessa vitamina podem causar inchaços na língua e dolorida, causando fissuras na superfície. Alimentos ricos em vitamina B12 são encontrados facilmente em produtos de origem animal. Se você for vegetariano considere uma suplementação.

  • Ferro: Causa inchaços e feridas dolorosas na boca. Alimentos rico em ferro incluem sardinha, carne bovina e espinafre.

  • Vitamina C e zinco: Levam a sangramento nas gengivas e aumento do risco de infecção. Alimentos ricos em vitamina c incluem morangos, abacaxi, manga e ricos em zinco incluem carne, lacticínios e nozes.

Outro problema com a língua para ficar esperto é que nossas papilas gustativas crescem por toda a vida, porem são desgastadas por meio de mastigação e ingestão de líquidos. Quando elas ficam muito grandes podem ser usadas de esconderijo para fungos e bactérias, podendo resultar numa língua mais preta.

Indivíduos que sofrem de diabetes ou que receberam quimioterapia também podem ter um risco maior de desenvolver a língua pilosa preta. Em alguns casos, é apenas o resultado de má higiene oral e pode ser desencadeada por escolhas de estilo de vida, como fumar ou beber café escuro e chás.

Apesar de visualmente desagradável e pode ser acompanhada de mau hálito ou anormalidades de paladar, essa condição não é fatal. É importante determinar a causa subjacente do crescimento excessivo de papila e bactérias ou leveduras, pois é importante remover a fonte agressora. Também pode ser um sinal de que você deve ser avaliado para diabetes.

Devemos tomar cuidado com a candidíase oral que é uma infecção por fungos que causa uma mancha branca com consistência de queijo cottage. Os idosos, indivíduos com sistema imunológico enfraquecido, pessoas com diabetes, indivíduos que usam esteróides inalatórios para asma e aqueles que tomaram antibióticos recentemente têm mais probabilidade de experimentar candidíase oral.

Portanto além de maximizar os níveis de vitaminas e minerais, precisamos ter uma higiene bucal adequada pois um grande perigo é o câncer bucal, principalmente para os homens que são maioria das pessoas diagnosticada por esse câncer.

O câncer de língua é o segundo câncer de cabeça e pescoço mais comum. Os principais fatores de risco incluem o uso de tabaco e álcool. Lesões vermelhas persistentes que não desaparecem ou manchas que não desaparecem, talvez um sinal de câncer de língua. Os cânceres orais também podem ser causados ​​pelo papilomavírus humano (HPV) e muitas lesões não causam dor ou desconforto nos estágios iniciais. Outros sinais de câncer bucal incluem mau hálito de uma úlcera infectada, dor de ouvido que afeta um lado da cabeça, perda de peso inexplicável, dormência na boca e dentes soltos inexplicáveis.


Fale com a gente (11) 97658-4670

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

Copyright © 2020 Dr. Ronaldo Gorga. Todos os Direitos Reservados